Mcdonalds perde Registro de Marca do lanche Big Mac

O Registro de Marca ou melhor, a falta dele, pode gerar problemas enormes, até mesmo para empresas de grande porte e multinacionais, como é o caso da famosa Mcdonald’s, uma das redes de fast-food mais conhecidas do mundo inteiro. 

O problema envolvendo a gigante tem relação com outra lanchonete Irlandesa conhecida na UE, a Supermac’s, de Pat McDonagh, que afirma que o Mcdonald’s não tem os direitos de marca do lanche Big Mac – e o Escritório de Propriedade Intelectual da União Europeia (EUIPO) acatou a decisão favorável aos irlandeses, revogando os direitos da americana sobre o nome. 

No texto de hoje, vamos entender melhor o caso e o que ele tem a ver com a sua empresa e com a sua marca. Confira abaixo! 

 

A falta de registro de marca pode ser problema até para grandes empresas

 

Obviamente, a Mcdonald’s não concordou com a decisão de ter os direitos revogados sobre a marca Bic Mac e apresentou uma série de provas que demonstram o uso do nome do lanche em diversas propagandas, websites e até mesmo nas próprias lanchonetes, o que ainda não foi suficiente para que a justifica da União Europeia fosse favorável aos americanos. 

Lucas Personi, da Workato, afirma que esse tipo de situação pode gerar custos altíssimos para as empresas envolvidas na ação: “Uma empresa como o McDonald’s consegue cobrir os custos, mas e se algo assim acontece com alguém que está começando ou que tem um negócio de tamanho médio?”, questiona.  

Nesse sentido, podemos perceber o quanto o Registro de Marcas é importante, mesmo quando falamos apenas de um produto específico. 

 

O que fazer para evitar esse tipo de situação?

 

A situação do McDonald’s não é novidade e acontece o tempo todo com centenas de milhares de empresas ao redor do mundo. Nós da Workato entendemos que o problema se dá, principalmente, porque há pouca informação sobre o assunto. 

“Poucas pessoas sabem o quanto é importante registrar suas marcas.” explica Lucas. Separamos algumas dicas que podem te ajudar a nunca cair em um processo desse:

 

  • Sempre procure empresas como a Workato para que possa ser feita uma avaliação da sua marca e do registro dela. Esse tipo de consultoria é fundamental para qualquer empresa, seja ela de grande, médio ou pequeno porte. 

 

  • Não espere que sua marca ganhe muita notoriedade para pensar no Registro de Marca. Isso porque alguém pode gostar da sua ideia e querer chegar na sua frente. Nesse caso, será mais difícil provar que você tinha direitos sobre o nome. 

 

Conclusões

 

É essencial se preocupar com o Registro de Marca e sempre tentar procurar ajuda especializada em caso de dúvidas. “Apesar de ser um assunto pouco comentado, os casos como o do McDonald’s nos provam que essa é uma preocupação mais do que válida”, afirma Lucas Personi. 

Por isso, se você está abrindo uma empresa com uma marca forte, procure ajuda para garantir que ninguém irá tirar os seus direitos sobre ela. 

 

Gostou das dicas de hoje? Compartilhe nas redes sociais e até os próximos conteúdos!

 

 

A Workato ajuda empreendedores e empresários no registro de suas marcas, para garantir o sucesso e proteção de seus negócios.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *